2.11.11

Ultimamente


Ultimamente temos feito mais coisas cá por casa. No fim-de-semana houve castanhas e água pé com os amigos e as crianças, houve Uno, conversas e um fechar de olhos às calorias que um dia não são dias. 

É que depois de uma semana de trabalho árduo, frio intenso, chuvas, dias curtos e noticiários que abrem sempre com a palavra «crise», um fim-de-semana de sol só pode augurar algo de muito, muito bom e os noticiários podem sempre abrir como quiserem que o pessoal tem mais o que fazer. É que no fim-de-semana nem crise nem Troika nos toldam as acções ou os pensamentos, porque em Portugal se não há cão caça-se com Gato, que desenrascanço sempre foi «palavra de ordem». Posto isto fez-se muito, no que sobrou destes dias. Aspirei, lavei roupa, arrumei a casa, e o André esteve com o tio a montar luz nas arrecadações. Aproveitadas várias peças destas que se encontram perdidas cá por casa, montou-se a torneira no churrasco, está metade de cada cor no que diz respeito a tubos, mas já temos solução.

E jardinei, jardinei muito. Transplantei alfaces que tinha semeado em canteiro. Apanhei laranjas e folhas secas do chão. Arranquei daninhas da horta. Adoro utilizar o que a terra me dá. No nosso jantar fiz azeitonas com mel e sumo de laranja (das nossas), e azeitonas com oregãos também do quintal. Já apanhei os restantes, e coloquei-os em frasco hoje. Ao almoço comemos um rolo de salmão no forno, a mais recente iguaria descoberta pela minha mãe na peixaria do costume, acompanhada por uma salada de rúcula. Está no ponto, grande e viçosa. Gosto tanto de rúcula e dá-se bem em todo o lado. Quando morava em apartamento costumava plantá-la em vasos. 

Hoje terminei mais um cachecol, e fiz algumas compras de Inverno. No entanto, cada vez me custa mais sair de casa para grandes superfícies. É que para além do frio, às 6h da tarde já está de noite o que de si não convida a passeios. 

3 comentários:

eu disse...

O que eu gosto da Paz que a tua casa transmite, não fazes ideia!!!
É que basta ver as fotos e sentimos....
"Caseirar", tb faz bem ;)
Bjkas

Ana P. disse...

Ser de noite às 18h00 não está com nada :(
Parece que fico logo em mode nocturno, ou seja com vontade de ir dormir e sem energia!
Belo fim de semana o teu :)

Vanessa Casais disse...

Oh Sofia que bom ouvir isso ;), eu sinto o mesmo.

Pois é Ana, parece que todo o organismo tem de se habituar a este horário.

Postar um comentário