26.8.11

Barata

As baratas adaptam-se a todo lado. Hoje apercebi-me de que em certa medida sou como as baratas, tanto me sinto bem num magnifico restaurante, como numa tasca. Vivo bem com tanto, sobrevivo bem com menos, adapto-me.

2 comentários:

D. disse...

Esta está boa. :) Eu pelos vistos, também sou como as baratas, mas detesto o animalzinho. Blhack! :)

Vanessa Casais disse...

;)

Postar um comentário