22.7.15

Antes das férias

  

Antes de entrarmos de férias a agitação foi muita. O Carlos foi operado, tudo correu bem, mas foi tudo repentino. Um dia complicado de gerir, emocional e fisicamente, mas com um resultado excelente. No regresso a casa uma vista linda sobre Lisboa e sobre o Cristo-Rei e a certeza que o amor é o bem mais precioso.
 
Nos dias seguintes chegaram boas novas, prémios giros pelo correio, e um Canário lindo à nossa porta. Encontrei-o lá fora debilitado quando ia colocar o lixo no contentor e apanhei-o com todo o carinho. Tinha o papo inchado. Tratámos dele. Veterinário*, antibiótico, comida boa, poleiros vários, festas e até beijinhos dos miúdos. O Chico é o novo membro da família, e se chegou em mau estado já ninguém se lembra porque é feliz e canta todo o dia. A gaiola que trouxe há uns anos valentes de umas férias na Tunísia para enfeitar, tem agora utilidade pela primeira vez, é o palácio do canário mais lindo e querido do mundo.

A corrida para espairecer, a comida saudável, os cuidados todos valeram-nos 1 kg a menos numa semana agitada.

No jardim descobrimos que afinal há romãs a nascer. As ameixas maduras foram aproveitadas para sorvete, compota e panacotas, ideias boas da Bimby que eu gosto muito.

No fim-de-semana, e antes de estarmos todos juntos, revi o Planeta dos Macacos e o Grease, os dois filmes que marcaram a minha infância.

* Foi difícil encontrar um veterinário para tratar do Chico, e apesar de conhecer e recomendar a Clinica Veterinária de Caparide, acabámos por só conseguir uma veterinária que tratasse de exóticos (fiquei a saber que animais domésticos não mamíferos, como periquitos e canários, são considerados exóticos) nos Jardins da Parede, na Clinica Quatro Patas, da qual já tinha excelentes referências no tratamento do meu querido Ricky.

Nenhum comentário:

Postar um comentário